Divertir e entreter não são os únicos benefícios de alguns games online e jogos de tabuleiro. Empreendedores podem aproveitar o ambiente lúdico para simular situações gerenciais e desenvolver habilidades estratégicas, de planejamento, liderança, negociação, tomada de decisões e correr riscos calculados.

Nos tabuleiros, alguns jogos simulam verdadeiros mercados, como “Cuba”, “Puerto Rico” e “Settlers of Catan”. E os clássicos “Monopoly” (Banco Imobiliário) e “War” testam a capacidade de expandir domínios.

E, nos computadores, existem os chamados “serious games” (jogos sérios), feitos especificamente para trabalhar habilidades em seus jogadores. “Tycoon City: New York” é um exemplo. Agindo como um empreendedor, o objetivo é construir negócios e fazer com que eles prosperem na ilha de Manhattan.

Também os famosos games de estratégia, RPG — formato em que os jogadores equipam seus personagens com magias, equipamentos e armas antes da partida – e simuladores, como “The Sims” e “SimCity”, podem ser bons exercícios para quem pretende comandar uma empresa (veja mais detalhes nas imagens abaixo).

GRIDPOWER GRID
O objetivo de Power Grid é fornecer energia para a maioria dos municípios. Os jogadores marcam rotas pré-existentes entre cidades para a conexão, e depois faz lances em um leilão para comprar as usinas que usam para alimentar suas cidades.

No entanto, quando as usinas são compradas, novas usinas mais eficientes se tornam disponíveis.

Além disso, os jogadores devem adquirir as matérias-primas (carvão, petróleo, lixo, e urânio) necessários para poder ativar suas usinas (exceto para o parque eólico “renovável” / instalações solares, que não precisam de combustível).

2016-03-07 (1)
COLONIZADORES DE CATAN
Cada jogador é um explorador de recursos naturais de uma ilha. Precisam utilizar toda sua capacidade de negociação para trocar, por meio de escambos, os recursos explorados com os demais jogadores. Não há dinheiro envolvido nas negociações e o valor das mercadorias é estipulado pelos próprios participantes.

BOSS
I’M THE BOSS
“I”m the Boss” (Eu sou o chefe): jogo de pura negociação. Cada participante é um investidor e precisa escolher seus sócios e em quais negócios investir. Fazer aliança com as pessoas certas é essencial para ganhar dinheiro e sair vencedor.

2016-03-07 (3)
CUBA
“Cuba”: cada participante administra uma ilha e negocia, de acordo com as leis de oferta e demanda, o que produz com uma ilha central, que representa Cuba. O jogador pode segurar os produtos em estoque para elevar seu preço no mercado, mas é preciso ter cuidado para que não estraguem ou fiquem encalhados.

2016-03-07 (4)PUERTO RICO
“Puerto Rico”: é bem parecido com “Cuba”, sendo a diferença básica que a ilha central do jogo é Porto Rico. A capacidade de negociação e noções de valor de mercado são bastante exigidas na partida

2016-03-07 (5)
MONOPOLY
“Monopoly”: no Brasil, é mais conhecido como “Banco Imobiliário”. Apesar de o fator sorte ser bastante presente, o jogo envolve tomada de decisões, capacidade de negociação e atenção ao mercado para investir na hora certa

2016-03-07 (6)
WAR
“War”: clássico jogo de guerra entre exércitos em que o principal é entender os movimentos do adversário e esperar o momento certo para atacar e alcançar o objetivo final. O tabuleiro é o mapa-múndi e a cada rodada os participantes batalham para conquistar e defender territórios e aumentar seus exércitos, ao mesmo tempo em que fazem alianças

2016-03-07 (7)
RISK
“Risk”: jogo similar ao “War” com pequenas alterações nas regras que deixam o jogo mais dinâmico e menos refém da sorte. Aqui, a defesa só pode jogar com dois dados, no máximo, o que deixa a batalha mais igual. Consequentemente, o jogador deve pensar melhor em como se defender dos ataques dos concorrentes.

2016-03-07 (8)
TYCOON CITY: NEW YORK
“Tycoon City: New York”: o jogador é literalmente um empreendedor que tem toda a ilha de Manhattan para explorar. O objetivo é abrir negócios fazendo pesquisas de opinião, escolhendo preço, ponto comercial, visual da empresa, serviços prestados etc. Se enquadra entre os chamados “serious games” (jogos sérios ou educacionais). Disponível para PC.
2016-03-07 (9)

SIM CITY
“Sim City”: simulador de cidades em que o jogador atua como prefeito e deve fazer com que sua cidade prospere, construindo casas, empresas, estradas etc. Conforme se desenvolve, a cidade apresenta uma série de problemas, como trânsito e poluição, e cabe ao jogador administrar seus recursos e tomar decisões para solucionar estas questões. Disponível para PC

2016-03-07 (11)
THE SIMS
“The Sims”: simulador da vida real que trabalha as relações sociais. O jogador começa praticamente sem nada e precisa arrumar emprego, administrar recursos financeiros, construir o patrimônio e dividir o tempo entre o trabalho e a família. Disponível para PC, MacBook, PlayStation 2 e 3, Xbox 360 e Wii

2016-03-07 (12)WORLD OF WARCRAFT
“World of Warcraft”: game online sem limite de participantes. No jogo, existem grupos de personagens (bruxos, cavaleiros, caçadores etc.). Os grupos, além do trabalho em equipe, precisam de líderes, posto que desenvolve habilidades sociais, de negociação, gestão de pessoal e liderança. Disponível para PC e MacBook.

2016-03-07 (13)BATTLEFIELD
“Battlefield 3”: game de guerra que trabalha habilidades de comando, avaliação de riscos e táticas. No modo multijogador, exige trabalho em equipe e movimentos calculados por todos do time. Disponível para PC, PlayStation 3 e Xbox 360.

2016-03-07 (14)

DIABLO III
“Diablo 3”: é um RPG de ação, modelo em que os jogadores escolhem magias, compram itens e atualizam equipamentos, armas e o próprio personagem. Aqui, o interesse está na “Casa de Leilões”, onde é possível aprender noções de valor de mercado, oferta e demanda e negociar itens com outros jogadores online usando a moeda do jogo ou dinheiro de verdade. Disponível para PC e MacBook.